Só quem fica com a carteira vazia todo final de mês conhece bem a preocupação de não saber como pagar os boletos. No entanto, na hora de reverter esse quadro negativo, você precisa fugir das soluções mirabolantes divulgadas na internet e procurar por dicas de investimento para quem tem pouco dinheiro.


Sim! Apesar de parecer um projeto impossível agora, o planejamento de médio a longo prazo traz resultados positivos que são capazes de mudar sua vida. O grande segredo, neste caso, está em estudar bastante sobre o assunto e jamais deixar que os problemas sejam usados como desculpa na busca pelos objetivos.

Quer saber mais? Vamos mostrar 4 dicas que ajudam a enxergar novas possibilidades ao escolher aplicar sua grana. Acompanhe:

1. Estude investimentos

Se quer ter uma vida com menos apertos no futuro, o primeiro passo é estudar investimentos. Não tem jeito, meu amigo! O esquema gira em torno de arregaçar as mangas, esquecer a preguiça e acumular o máximo de informação possível. Para isso, aposte em cursos online, livros ou palestras sobre o tema. Grave esse mantra com você: dinheiro direcionado ao conhecimento não é gasto, é investimento!

Ao colocar o pé no mercado financeiro por meio dos estudos, logo de cara fica evidente a verdadeira cilada que é a caderneta de poupança. Mesmo que o seu avô tenha juntado bastante dinheiro com ela, hoje em dia, o resultado se compara a guardar economias no colchão.

O problema é que a rentabilidade da poupança costuma ser muito pequena e fica sempre abaixo da inflação. Mas se você ainda não tem estômago e conhecimento para a renda variável, a dica aqui é investir no Tesouro Direto que aceita aportes a partir de R$40,00 com boas possibilidades de rentabilidade.

2. Comece o quanto antes

O mundo dos investimentos transforma em verdade absoluta a frase "tempo é dinheiro". Então, se na sua vida tudo se baseia em de deixar as coisas para amanhã, lembre-se que essa procrastinação atual representa um erro imenso no futuro.

Ou seja, uma hora a conta vai chegar e você vai se arrepender de não ter começado a investir antes. A lógica é simples: quando a pessoa deseja se aposentar aos 60 anos e só começa a investir aos 40, o intervalo de 20 anos exige muito mais sacrifícios e o dobro de trabalho para alcançar a meta.

Portanto, quanto antes você aplicar bem o dinheiro, mais fácil será alcançar a meta. Sem contar que, ao compreender o funcionamento do mercado ainda jovem, fica mais simples lidar com os altos e baixos econômicos a tempo de corrigir decisões erradas.

3. Tenha o investimento como prioridade

Quem deseja melhorar de situação, deve ter consciência que investir é uma decisão séria. Por este motivo, nada de aplicar a grana apenas quando sobra algo depois de pagar os boletos. Esse processo de aplicações precisa ser sua prioridade — mesmo que existam dificuldades no caminho.

O mais importante é ter certeza de que o retorno vale a pena e que não acontece da noite para o dia. No entanto, se você ainda nem sabe quanto gasta por mês, o primeiro compromisso é colocar todos os valores na ponta do lápis. Com a noção exata das despesas, fica mais simples identificar o seu limite de investimento e cortar os gastos desnecessários.

4. Aumente sua renda

Se a sua conta está sempre zerada, pensar em investir pode parecer apenas um sonho distante. Mas não se preocupe! Existe luz no fim do túnel e a solução é mais simples do que você imagina. Uma boa dica para aumentar os ganhos mensais está em procurar novas fontes de renda com ganhos proporcionais à sua produtividade.

Atualmente, existem diversas oportunidades em aplicativos que dispensam burocracia e permitem horários flexíveis de trabalho. Além disso, todo o processo de cadastro costuma ser bastante simples.

Um exemplo são as entregas expressas de bicicleta. Para começar a faturar uma grana, basta que você tenha uma bike e um celular com internet para se cadastrar. Assim, em pouco tempo, a alta demanda transforma o cenário das suas economias. Tudo isso, sem um patrão pegando no seu pé e com ganhos compatíveis à quantidade de serviços que você realiza por dia.

Agora você já conhece as dicas de investimento para quem tem pouco dinheiro. Não se esqueça que com estudo e disciplina fica mais simples compreender que o mercado financeiro não é nenhum bicho de sete cabeças. Ao conhecê-lo de perto, os resultados podem mudar sua vida e criar a tão sonhada independência financeira no futuro.

E você, quer aumentar os investimentos mensais para melhorar o seu patrimônio no médio a longo prazo? Então leia também sobre como fazer sobrar dinheiro no final do mês.


What’s a Rich Text element?

The rich text element allows you to create and format headings, paragraphs, blockquotes, images, and video all in one place instead of having to add and format them individually. Just double-click and easily create content.

Static and dynamic content editing

A rich text element can be used with static or dynamic content. For static content, just drop it into any page and begin editing. For dynamic content, add a rich text field to any collection and then connect a rich text element to that field in the settings panel. Voila!

How to customize formatting for each rich text

Headings, paragraphs, blockquotes, figures, images, and figure captions can all be styled after a class is added to the rich text element using the "When inside of" nested selector system.

This is some text inside of a div block.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse varius enim in eros elementum tristique. Duis cursus, mi quis viverra ornare, eros dolor interdum nulla, ut commodo diam libero vitae erat. Aenean faucibus nibh et justo cursus id rutrum lorem imperdiet. Nunc ut sem vitae risus tristique posuere.

See All Works